Por Comunicação

Quem pensa que praticar Yoga é coisa somente para gente grande está completamente enganado. Pensando sempre no bem-estar dos seus alunos e entendendo que a formação educacional, cidadã, ética e moral também compreende o desenvolvimento de atividades para além da sala de aula, o Colégio Santíssimo Senhor investe há anos nas aulas de Yoga para as turmas da Educação Infantil.

A prática das posturas, além de relaxar, segundo a professora Rachel Monteiro, “melhora muito a coordenação motora grossa, desenvolve a psicomotricidade, aumenta a capacidade de concentração, memorização, permite que a criança se perceba melhor, inclusive seus sentimentos, facilitando o diálogo e a compreensão. Sobretudo, o yoga abre o caminho para a felicidade, muitas vezes confundida com euforia”, explica.

As aulas acontecem uma vez por semana e duram cerca de trinta minutos. A Tia Rachel conta que a principal diferença entre a prática realizada com adultos para a realizada com as crianças está na maneira lúdica como a aula ocorre. “O yoga para as crianças é bem mais lúdico e ágil. O yoga para os adultos pode ser ágil, mas não necessariamente lúdico, a menos que a aula tenha essa proposta”, diz.

É por isso, que a aula é repleta de cenas de “imitações”, quando a professora pede que os alunos façam posturas que lembram seres e elementos da natureza. “O Yoga deve ser praticado de acordo com as necessidades de cada pessoa e no caso das crianças é importante perceber o que elas são capazes de realizar, de acordo com o desenvolvimento da coordenação motora e da psicomotricidade”, informa Monteiro.

Para que os pais fiquem tranquilos, a professora ressalta que a prática do Yoga é montada de acordo com as possibilidades do aluno. No entanto, um bom professor, busca planejar sua aula, de forma a ajudar a corrigir as limitações caso existam, sugerindo adaptações e ajustes.